Você está aqui: Página Inicial / Projetos de Extensão / A Coleta Seletiva e as Ações de Educação Ambiental

A Coleta Seletiva e as Ações de Educação Ambiental

A Coleta Seletiva foi implantada na UFSCar no ano de 1994, sendo a universidade pioneira em separação de resíduos em São Carlos. Durante a implantação, foi realizada uma forte campanha de sensibilização e construído um Local de Entrega Voluntária (LEV). Logo a UFSCar tornou-se centro de referência para a Coleta Seletiva em São Carlos e na região.

Através de parceria com a Associação de Proteção Ambiental de São Carlos (APASC) que perdurou até o ano de 2003, a UFSCar recebia e encaminhava para a reciclagem, resíduos provenientes não somente do campus, mas também da comunidade externa.

A partir de 2004, com a implantação da Coleta Seletiva no município de São Carlos, a UFSCar passou a tomar parte do esquema de reciclagem de materiais organizado através de um sistema de cooperativas de catadores que atende a cidade e o LEV foi desativado.

Em 25 de outubro de 2006 entrou em vigor o Decreto 5.940, que institui a separação dos resíduos recicláveis descartados pelos órgãos e entidades da administração pública federal direta e indireta, na fonte geradora, e a sua destinação às associações e cooperativas de catadores de recicláveis. Este decreto prevê a institucionalização da coleta seletiva e a formação de um conselho gestor e comissões internas para o gerenciamento da coleta seletiva solidária.

Nos anos de 2007 e 2008 (com apoio da ProEx) foi desenvolvido o projeto de aperfeiçoamento da coleta seletiva desenvolvida na UFSCar através da padronização dos procedimentos e monitoramento e a sensibilização da comunidade acadêmica quanto à diminuição dos resíduos gerados.

O ano de 2009 foi marcado pelo aniversário de 15 anos da Coleta Seletiva na UFSCar. Realizou-se uma série de eventos em parceria com a Incubadora Regional de Cooperativas Populares (INCOOP) e a Biblioteca Comunitária (BCo) e com apoio da ProEx e ProAd. Estes eventos incluíram uma mesa-redonda com a participação dos idealizadores do projeto inicial, uma feira de artesanato e exposição artística de objetos feitos com materiais reutilizados. O objetivo principal foi o de celebrar o pioneirismo da UFSCar nesta importante ação ambiental. Ao mesmo tempo, estas atividades foram realizadas em um momento em que o Programa de Coleta Seletiva encontrava-se enfraquecido e contribuiu para despertar um novo olhar da comunidade acadêmica sobre o mesmo. Veja algumas fotos destes eventos!

Em 2010 (com apoio da ProEx) foi realizado o projeto “Reestruturação da gestão de resíduos recicláveis na UFSCar – Primeira fase: campus de São Carlos”. Este projeto teve por objetivo atualizar dados sobre a geração e gestão de resíduos sólidos recicláveis no campus de São Carlos da UFSCar visando o desenvolvimento das ações para a adequação ao Decreto 5940/2006 (Decreto), iniciadas em 2008. O projeto envolveu coleta, análise e divulgação de dados quantitativos e qualitativos; melhoramento da infra-estrutura e sensibilização da comunidade. Este projeto serviu de base para a reestruturação da gestão dos resíduos sólidos na UFSCar e adequação ao Decreto em São Carlos e nos demais campi da UFSCar.

Em 2011 o projeto de Reestruturação da coleta seletiva foi renovado com o objetivo de dar continuidade ao desenvolvimento das ações ainda visando à adequação ao Decreto, mas com maior foco na Educação Ambiental (EA). Com as informações coletadas no ano anterior foram realizadas diversas atividades envolvendo vários “atores” e “atrizes” da comunidade interna e externa: como as funcionárias da empresa terceirizada de limpeza, as/os estudantes e as/os representantes das cooperativas de catadores. Dentre estas atividades foi realizada uma redistribuição dos pontos da coleta seletiva, a qual foi feita foi feita de forma participativa através de entrevistas com os membros internos da UFSCar e acompanhando a rota de coleta realizada pelas/os cooperadas/os. Esta redistribuição gerou um mapa dos locais de coleta para auxiliar o trabalho da cooperativa, das funcionárias de limpeza, além da comunidade em geral. Neste ano foram adquiridos e distribuídos no Campus de São Carlos os coletores amarelos para o descarte seletivo de materiais (plásticos, vidros e metais) no interior dos prédios. Para os papéis, novas caixinhas coletoras (utilizadas desde 2003) foram confeccionadas e disponibilizadas para a comunidade universitária.

Em outubro de 2011 foi aprovada a portaria interna GR 10/10/2011 que adequou a Coleta Seletiva da UFSCar aos termos do Decreto. Esta portaria institucionalizou a Coleta Seletiva na UFSCar como “Programa Permanente de Gestão e Gerenciamento Compartilhado de Resíduos Sólidos e Coleta Seletiva Solidária”

No início do ano 2012 foram distribuídos no Campus de São Carlos os primeiros 25 contentores para a estocagem de materiais recicláveis. Estes foram adquiridos com verba administrativa e dispostos nos pontos de coleta pré-definidos (mapa dos locais de coleta). A distribuição destes contentores contribui em muito para o melhor funcionamento da Coleta Seletiva Solidária na UFSCar. Posteriormente, contentores para a Coleta Seletiva foram também dispostos nos campi de Araras e Sorocaba. Entre 2012 até o presente (sempre com apoio da ProEx) têm sido desenvolvidas diversas atividades tanto para a melhoria da gestão da coleta seletiva quanto para a EA. Entre as ações de EA podemos destacar as oficinas e dinâmicas realizadas com as funcionárias da empresa terceirizada de limpeza, as ações de sensibilização na UAC, na Moradia Estudantil e nas cantinas. Clique aqui para ver algumas imagens destas atividades.

 

Fotos das Atividades:

 

Dicas

Agende aqui sua visita à Trilha da Natureza!

A UFSCar possui um Programa de Coleta Seletiva Solidária! Conheça mais visitando nossos Projetos de Extensão.

 

DeGR.png 

CNPq.png